Sócios nascidos em famílias da UDV ocupam cargos de liderança

Centenas de sócios que nasceram em famílias da União do Vegetal são hoje Mestres, Conselheiros e Conselheiras; alguns já ocupam lugares de Mestres Representantes.

Jocimar Nastari*

| 16 julho, 2018

Irmandade do então Núcleo Estrela do Norte, hoje Sede Geral, em Brasília – DF. Pelo registro histórico, é possível notar a presença constante de crianças no dia a dia da União do Vegetal. Muitas dessas crianças que aparecem na imagem hoje ocupam cargos de Direção na UDV, 1982 | Foto: Yuugi Makiuchi.

Nos seus 57 anos de existência (a serem comemorados em 22 de julho de 2018), a União do Vegetal teve e tem em seus postos de Direção pessoas que já chegaram à religião na idade adulta, na infância ou adolescência. Com o passar do tempo, essas pessoas foram transmitindo estas posições de liderança para sócios mais jovens. Como consequência natural desse movimento, a UDV possui atualmente centenas de sócios ocupando lugares de Mestres, Conselheiros e Conselheiras (que constituem sua Direção) que nasceram em famílias cujos pais já integravam a religião. E dentro desse grupo dos que “nasceram na UDV”, o Centro tem atualmente nove Mestres Representantes e um Mestre Assistente Central.

Seguindo o exemplo de seus pais, os ensinos e a doutrina do criador da União do Vegetal – Mestre Gabriel –, esses Mestres, Conselheiros e Conselheiras constituíram família cujos filhos já começam a trilhar o mesmo caminho de desenvolvimento espiritual. Um movimento a reafirmar que a família é um dos pilares sobre os quais “a União do Vegetal está plantada na Terra” (esta frase entre aspas é de autoria de Mestre Gabriel).

Preservação dos valores morais e espirituais

A seguir, palavras do Mestre Geral Representante da União do Vegetal, Paulo Afonso Amato Condé, a respeito da renovação do comando da UDV:

“A União do Vegetal é uma escola que é fundamentada na construção da Paz e da preservação dos valores morais e espirituais que podem elevar o ser humano a uma condição de mais equilíbrio e clareza na consciência.

O nosso Guia Espiritual Mestre Gabriel preparou os primeiros irmãos que deram continuidade a sua obra e também souberam preparar novos dirigentes que vêm conduzindo este grande rebanho de Paz. Assim, sucessivamente, a União vem crescendo e sendo conduzida por novas pessoas que chegam e outras que já nasceram dentro dela, como estamos vendo hoje em dia.

Um trabalho que já vem dando frutos na construção de um mundo melhor e de uma sociedade mais sadia. Temos falado que as crianças e os jovens de hoje serão o futuro da União no amanhã. Um trabalho que encanta, que traz alegria e a esperança de um novo amanhecer.

Um trabalho que foi gerado dentro de uma família e que se expande preservando, reconstruindo e construindo novas famílias, que é a base da nossa sociedade.

Se queremos um mundo melhor devemos continuar plantando essa semente do bem em nossas crianças e jovens, zelando por esse tesouro que é a União do Vegetal”.

Perfis e depoimentos

O Blog da UDV traz a seguir os perfis e depoimentos de duas Conselheiras e de cada um dos nove Mestres Representantes e um Mestre Assistente Central que nasceram em famílias da União do Vegetal:

Isabel Gomes de Oliveira Cavalcante

Isabel-Oliveira-01A Conselheira Isabel Gomes de Oliveira Cavalcante, 49 anos, é casada com o Mestre Alex Cavalcante e são pais de Ana Carolina de Oliveira Cavalcante, 18 anos. Os três estão filiados ao Núcleo Jardim Florescendo (Gainesville, Flórida-EUA). É filha do Mestre Francisco Herculano de Oliveira e da Conselheira Rita Gomes de Oliveira, atualmente sócios do Núcleo São Miguel (Porto Velho- RO). Integra o Corpo do Conselho da UDV há 14 anos e vem ocupando cargos na UDV desde os 22 anos de idade.

A seguir palavras da Conselheira Isabel:

Sou a primogênita de seis filhos e quando nasci meus pais já eram sócios na primeira Sede da UDV, na casa de Mestre Gabriel e Mestre Pequenina. Naquela época, o quarto do casal abrigava as crianças durante as Sessões de Vegetal. Cresci nesse ambiente familiar, o que instalou em mim um sentimento de que as pessoas da União do Vegetal faziam parte de minha família. Além disso, em nossa casa sempre tinham visitas para o almoço ou para o jantar. Era uma alegria receber as pessoas da União. Hoje, tenho a satisfação de ter uma filha de 18 anos que constitui a segunda geração de minha família gerada comungando o chá.

Quando eu tinha de 4 a 5 anos de idade, fomos morar na quadra onde hoje é a Sede Histórica e os vizinhos em sua grande maioria eram pessoas da UDV. A Sede era no centro da quadra e as casas em volta davam acesso ao terreno do Templo e brincar na chuva lá era sempre um bom divertimento para as crianças. Lembro-me de que as datas festivas da UDV, como Dia de Reis, aniversário do Mestre Gabriel e aniversário da União, eram celebradas com grande alegria, dias de festa mesmo, em que as crianças ganhavam roupas e sapatos novos de seus pais para irem nos almoços festivos. Todos arrumadinhos, almoçávamos numa mesa só de crianças.

Foi de grande importância para mim aos 14 anos poder participar das Sessões de Escala, senti que estava crescendo, indo para uma outra fase de minha vida, ganhei até a minha primeira camisa verde ainda sem as letras no bolso, feita pela Conselheira Dionéa Braga. Antes dessa idade, eu participava das Sessões para crianças que não tinham uma escala fixa. Lembro-me dessas Sessões, principalmente quando Mestre Janico era o Mestre Geral Representante, e das demais como as de Dia das Mães, Dia dos Pais, São João, Natal e Ano-Novo.

Aos 19 anos me associei, aos 20 fui convocada para o Corpo Instrutivo. No mesmo ano da convocação, fui morar em Brasília e lá, na Sede Geral, continuei com o mesmo sentimento de família pela União do Vegetal, fiz grandes amizades tanto com os amigos de meus pais como com os jovens da época. E com esses amigos da juventude tenho até hoje fortes laços. Junto com eles, e apoio da Direção da 5ª Região e Sede Geralem 1994 foram realizados os primeiros encontros de jovens da UDV em Guarapari (ES) e Brasília, respectivamente. Lembro-me até hoje das palavras de Mestre José Mauro, na época Mestre Central da 5ª Região: ‘Vocês são os futuros dirigentes da União, aprendam sempre a pensar, examinar e compreender os ensinos da União, para não serem só meros repetidores. E o que vocês acham que pode ser melhor, na forma de fazer, se desenvolvam e façam melhor que nós’.

Me alegra muito ver hoje também muitos dos meus amigos daquela época na Direção e também amigos que conheci criança, uns que até cuidei para os pais irem para as Sessões, e que hoje também estão na Direção. Alguns até ocupando cargos altos na hierarquia da UDV. Pessoas que não chegaram a passar por uma Sessão de Adventício, já se associaram familiarizadas com o chá e o ritual da União. Meu desejo é que a geração da minha filha já venha melhor que a minha, cada vez mais comprometidos com esse objetivo da União de trabalhar por uma Paz no mundo, para o bem da Humanidade”.

Iara Simoni Silveira Feyer

Iara

A Conselheira Iara Simoni Silveira Feyer, 38 anos, é casada com o Mestre Francisco Feyer e ambos são filiados à Sede Geral (Brasília-DF). São pais de Maria Flor, 13 anos, e Nina, 11 anos. É filha do Mestre José Mauro Fagundes da Silveira e da Conselheira Paola Simoni da Silveira, ambos também filiados à Sede Geral. Integra o Corpo do Conselho da UDV há 12 anos e entre os cargos que ocupou está o de Secretária Geral da Diretoria Geral do Centro, no triênio 2015/2018.

A seguir palavras da Conselheira Iara:

“Quando nasci, meus pais já eram sócios da União do Vegetal em Brasília. Fui batizada aos 3 meses de idade. Às vezes as pessoas me contam como foi o momento em que chegaram à UDV, eu não tenho essa lembrança de chegar à UDV, tenho, sim, um verdadeiro sentimento de pertencimento desde sempre. Minha infância foi percorrendo o terreno da Sede Geral, conheço aquelas árvores desde o pé de cajuzinho do cerrado perto do poço antigo, o abacateiro do parquinho, o jambeiro da praça central e aquela linda samaúma, que está tão grande que há muito já não consigo abraçar. Sigo contemplando… Sou grata aos meus pais pela infância maravilhosa que tive.

Foi natural participar das Sessões de Escala tão logo completei 12 anos. Na juventude, estive nos primeiros encontros de jovens da União do Vegetal, que tiveram Sessões memoráveis e viram nascer amizades verdadeiras que resistem ao tempo e a distância. Me associei aos 18 anos, cheguei ao Corpo Instrutivo aos 19 e ao Corpo do Conselho aos 26 anos, quando era Secretária Regional da 9ª Região. Sempre me envolvi nas frentes de trabalho do Núcleo, participando ativamente das reuniões e das atividades.

Em 2014, quando recebi uma ligação do Mestre Wladimir Fogagnoli Ferraz (presidente da DG no triênio 2015/2018) me convidando para ser Secretária Geral da Diretoria Geral, aceitei sem pensar duas vezes. De tudo que venho recebendo do nosso Mestre, me sinto no grato dever de dar a minha parcela de contribuição. Naquela Diretoria estavam alguns amigos que cresceram na UDV também, e me senti em casa com aquela turma.

É muito bom trabalhar com pessoas competentes, altamente comprometidas e que já têm impressos na sua conduta de vida os princípios da UDV. Hoje, ao ver meus amigos de infância e juventude ocupando lugares importantes e de grande responsabilidade na nossa União, começo a entender por que sempre nos falaram que nós éramos o futuro da UDV. Por isso vamos continuar trabalhando com nossas crianças e jovens, e o retorno desse trabalho será natural.

A União do Vegetal é um solo fértil para grandes talentos se desenvolverem, frutos que amadurecerão em benefício de todos.

Salve a nossa UDV!”.

Luciano Godinho Almeida

LucianoLuciano Godinho Almeida, 32 anos, é Mestre Representante do Núcleo Porto Seguro (Eunápolis-Bahia). Está em sua segunda representação. Assumiu o primeiro mandato em 6 de Janeiro de 2015, com 28 anos. É casado com a Conselheira Luiza Reis G. Almeida (também nascida na União) e são pais de três filhas: Lorena (17 anos), Ana (7 anos) e Alice (3 meses). Luciano é filho do Mestre Valmir Almeida Vieira e da Conselheira Lucia Godinho Almeida que são sócios fundadores dos Núcleos Mestre Ramos (Ariquemes, RO – 6a Região), Príncipe Ancarilho (Guarapari, ES – 5a Região), Luz Divina (Governador Valadares – MG, 12Região), Santana do Paraíso (Santana do Paraíso – MG, 12a Região) e Porto Seguro. Atualmente seus pais são sócios no Núcleo Flor Encantadora (Sabará, MG – 12a Região).

Mestre Luciano é sócio fundador no Núcleo Porto Seguro que tem grande importância na sua caminhada. É o Núcleo onde se associou, foi convocado para o Corpo Instrutivo no dia 10 de fevereiro de 2005, ao Corpo do Conselho no dia 27 de Março de 2009 e recebeu a camisa de Mestre no dia 23 junho de 2011. Foi Presidente do Núcleo no triênio 2012/2015 que foi fundado por seu pai e pelo então Mestre Ari que, interessantemente, foram adventícios na mesma Sessão de Vegetal, no Núcleo Mestre Ramos, em 1980. Se reencontraram anos depois para dar início ao trabalho do Núcleo Porto Seguro. Nesse reencontro, o Mestre Luciano conheceu sua esposa que é filha do hoje irmão Ari.

Palavras de Mestre Luciano Godinho Almeida:

“É uma grande alegria e uma honra estar na representação do N. Porto Seguro, Núcleo que faz parte de minha vida, com uma irmandade tão querida. Sou grato aos meus pais, Mestre Valmir e Conselheira Lúcia, por terem me mostrado esse caminho, que desde a minha infância tão bem me faz. Tenho o objetivo de caminhar com meus irmãos, buscando fortalecer a amizade, o sentimento de união e a importância das famílias, procurando sempre zelar pela qualidade das sessões e da burracheira, para que possamos receber o engrandecimento espiritual que a união tem a nos ofertar.”

Carmiro Gabriel da Costa Júnior

Carmiro-Jr-01Carmiro Gabriel da Costa Júnior, 36 anos, é Mestre Representante do Núcleo Caminho do Mestre (Porto Velho-RO) e é filho do Mestre Carmiro Gabriel da Costa (Núcleo Caminho do Mestre) e da Conselheira Maria Antônia Lima da Costa (Núcleo Caminho do Mestre). Seus avós paternos são José Gabriel da Costa (Mestre Gabriel) e Raimunda Ferreira da Costa (Mestre Pequenina). É casado com Elaene Cristina Cardozo da Silva e pai de Carmiranda (7 anos) e Miguel (4 anos).

Associou-se na UDV no dia 10 de fevereiro do ano de 2000, no Núcleo Palmeiral (Guajará-Mirim-RO). Foi convocado para o Corpo Instrutivo no dia 23 de junho de 2001 já de volta a Porto Velho, no Núcleo Mestre Iagora. Foi convocado ao Corpo do Conselho no dia 27 de março de 2007 e ao Quadro de Mestres no dia 4 de junho de 2008, ambas as convocações no Núcleo Caminho do Mestre, do qual é sócio fundador.

Palavras do Mestre Carmiro Gabriel da Costa Júnior:

“Hoje estou na Representação do Núcleo Caminho do Mestre, onde já venho no segundo mandato, procurando zelar pelo rebanho para que permaneça limpo e sadio, semeando a semente da Paz e da União, para que assim a Luz, a Paz e o Amor floresçam no seio da irmandade, e que a força do nosso grande Mestre Gabriel esteja sempre presente em nossos corações”. 

Felipe Santos Braga

Felipe-BragaFelipe Santos Braga, 33 anos, é Mestre Representante do Núcleo União das Barquinhas (Porto Velho-RO). É casado com Rosimere Pontes Portela Braga e pai de Lívia (3 anos). Da mesma maneira que seu pai, Mestre Rossano Braga, sucedeu seu avô, Mestre Raimundo Carneiro Braga (Mestre Braga), na Representação do Núcleo Estrela do Norte (Porto Velho-RO), Mestre Felipe Braga também recebeu de seu genitor a honrosa responsabilidade de conduzir o rebanho do Núcleo União das Barquinhas, do qual também é sócio fundador.

Quando se referia aos irmãos que nascem no seio da União do Vegetal, Mestre Braga costumava se emocionar e geralmente finalizava a oratória fazendo a Chamada da Fortuna, de autoria de Mestre Gabriel, destacando o trecho que diz: “Bendito e louvado seja quem na fortuna nasceu…”.

Sua primeira escola foi o Núcleo Estrela do Norte, em Porto Velho, onde conviveu por quase duas décadas e recebeu de Mestre Braga a doutrina e os ensinamentos de Mestre Gabriel. Vestiu a camisa de sócio quando atingiu a idade permitida, 18 anos, sendo um ano depois convocado para o Corpo Instrutivo. Recebeu a camisa com CDC em julho de 2011 e, em março de 2013, foi convocado ao Quadro de Mestres. No dia 6 de janeiro deste ano, recebeu a Representação do Núcleo União das Barquinhas.

Palavras do Mestre Felipe Santos Braga:

“Me sinto feliz por ser um descendente do Mestre Braga, sócio fundador desta Sagrada União, sociedade que ele abraçou, ajudou a criar e dedicou sua vida com todo seu coração. Peço, ao Divino Mestre, força para dar continuidade a este trabalho iniciado por Mestre Gabriel, pelo meu avô e pelos nossos primeiros irmãos que chegaram a esta casa. Também reforço meu pedido de sabedoria para que me mantenha firme nesta caminhada, na qual acreditamos ser possível construir um mundo melhor, de Luz, Paz e Amor”.

Silas Barbosa da Paixão

Silas-PaixaoSilas Barbosa da Paixão, 45 anos, nasceu em Porto Velho-RO e foi Mestre Representante do Núcleo Mestre Gabriel (Porto Velho-RO). Ocupa atualmente o lugar de Mestre Assistente Central da 2ª Região. É filho de Raimundo Pereira da Paixão (Mestre Paixão) e da Conselheira Severina Barbosa da Paixão. Seus pais conheceram Mestre Gabriel bem antes de chegarem à UDV, em 1966. É casado com a Conselheira Cristiane Nascimento da Silva Paixão há 23 anos e tem três filhos: Luís Gabriel (21 anos), Isabela (18) e João Miguel (12 anos).

Morou em São Paulo por volta de 12 anos, período em que o Mestre Paixão ficou na Representação do Núcleo Samaúma (Araçariguama-SP). Em 1990, retornou a Porto Velho e em 1991 se associou no Núcleo Mestre Gabriel. Recebeu a Estrela de Mestre no dia 23 junho de 2001 no Núcleo Mestre Gabriel. Nesse período, foi Presidente do Núcleo em 2003 e recebeu a Representação em 2011 das mãos de seu pai, momento muito importante para ele e para sua família, ficando por quatro anos nesse lugar. Desde 2015 mora em Manaus, onde se associou ao Núcleo Caupuri.

Palavras do Mestre Silas Barbosa da Paixão:

“O período em que fiquei na Representação do Núcleo Mestre Gabriel foi muito importante na minha caminhada, principalmente pelo que aprendi e por ser um Núcleo que tem uma força grande na UDV, lugar onde foi a Sede Geral, hoje conhecida como Sede Histórica. Graças a Deus tive o apoio do Quadro de Mestres e com isso procuramos fazer um trabalho de União e Paz juntamente com toda a irmandade. Hoje, trabalhando juntamente com a Direção e irmandade da 2ª Região, vejo a importância de se unirmos cada vez mais e sermos realmente irmãos uns dos outros, conforme ensinamento do nosso Guia Espiritual, Mestre Gabriel”. 

Saul Moraes de Carvalho

SaulSaul Moraes de Carvalho, 44 anos, é Mestre Representante do Núcleo Caupuri (Manaus-AM). É filho do Mestre Florêncio Siqueira de Carvalho (Mestre Florêncio) e da Conselheira Suely Moraes de Carvalho (Núcleo Caupuri). Casou-se em 1999 com uma inglesa-americana, Conselheira Caroline Bradshaw Eisenhower de Carvalho, com quem tem quatro filhos: Feliciano (17), Susanna (13), Angelina (8) e Melissa (6).

Saul é o sexto de nove filhos do Mestre Florêncio, que conviveu com Mestre Gabriel e levou a União do Vegetal para Manaus. Gerado no ventre com a sua mãe regularmente comungando o chá, nasceu com burracheira, assim como a maioria dos seus irmãos, que hoje também fazem parte da Direção da UDV. Foi criado no meio da irmandade do Núcleo Caupuri, sendo participante do primeiro batizado da UDV em Manaus, em 1982, na sede antiga do Núcleo Caupuri.

Associou-se aos 18 anos e chegou ao Corpo Instrutivo em 1997, pouco tempo antes de completar 23 anos. Sempre se mantendo associado ao Núcleo Caupuri, chegou ao Corpo do Conselho no dia 6 de janeiro de 2000 e recebeu a Estrela de Mestre no dia 16 de abril de 2011. Ocupou o cargo de Presidente no triênio de 2015 a 2018. Hoje, um ano depois do cinquentenário do Núcleo Caupuri, continua trabalhando no lugar da Representação para dar continuidade à obra do Mestre.

Palavras do Mestre Saul Moraes de Carvalho:

“Sinto que, a cada dia, nós dirigentes da União do Vegetal temos a responsabilidade de manter a UDV na rota traçada pelo nosso Guia Espiritual. Que os princípios da UDV floresçam cada vez mais dentro do símbolo da União neste momento de expansão da União do Vegetal. É isso que desejo para a irmandade do Núcleo Caupuri e para todos os Núcleos da UDV”.

Edison Luis Guedes Neves

Edison-LuisEdison Luis Guedes Neves, 37 anos, é Mestre Representante na Sede Geral neste triênio (2018-2020). Nasceu em Porto Velho, em 16 de outubro de 1980. Filho do Mestre Assistente Geral Edison Saraiva Neves e da Conselheira Ana Beatriz Guedes Neves (C. Béia), é casado com Júlia Antônia Menna Barreto Neves e são pais de Arthur (16 anos), Isabela (12 anos) e Bento Gabriel (7 anos). Geógrafo de formação pela Universidade de Brasília, atualmente trabalha como empresário na capital federal.

Na União do Vegetal, além da Sede Geral, já foi sócio no Núcleo Canário Verde (Brasília-DF). Recebeu o CDC em 10 de fevereiro de 2011, e chegou ao Quadro de Mestres em 3 de maio de 2014. Entre outras atividades, foi o Responsável Nuclear pela Orientação Espiritual na Sede Geral, no triênio 2012-2014, exerceu o cargo de Vice-Diretor do então Departamento de Memória e Documentação (DMD), no período de 2015-2016, e de Vice-Diretor de Memória e Acervo do Departamento de Memória e Comunicação (DMC) em 2017. Em 2017, também foi Coordenador do Plantio da Sede Geral.

Palavras do Mestre Edison Luis Guedes Neves:

“A União do Vegetal é uma parte importante da minha vida, está presente em muitas das lembranças que tenho desde a infância. Lugar onde cultivei amizades que já duram mais de 30 anos. A Sede Geral é um lugar onde vivemos momentos alegres com acampamentos, campeonatos de futebol, Preparos e Sessões memoráveis. Também foi ali que conheci Júlia, formamos uma família e continuamos seguindo neste caminho. Atualmente sou o Mestre Representante na Sede Geral e quero honrar este lugar e contribuir de alguma forma para o engrandecimento desta obra”.

Gabriel-Conde-MGRGabriel Alves Condé

Gabriel Alves Condé, 36 anos, é Mestre Representante do Núcleo Estrela D’Alva (Florianópolis-SC). É casado com Renata Angeloni Burigo e são pais de Manuela (4 anos) e Rafaela (10 meses). É filho do atual Mestre Geral Representante, Paulo Afonso Amato Condé, e da Conselheira Lea Maria Dantonino Alves Condé. Nasceu em Porto Velho (RO), em 17 de outubro 1981. Foi batizado no 1º de novembro do mesmo ano, na então Sede Geral (o primeiro batizado realizado na UDV e do qual Gabriel Condé foi um dos batizados), tendo como padrinhos o Mestre Manuel Severino Felix (Mestre Pernambuco) e a sua esposa, Conselheira Guiomar.

No início de 1990, a família mudou-se para Campo Grande (MS), frequentando o Núcleo Senhora Santana, onde Gabriel se associou em 20 de novembro de 1999. No ano de 2000, foi estudar em Campinas (SP), onde frequentou o Núcleo Alto das Cordilheiras. Em 2001 e 2002, voltou a morar com os pais em Brasília e passou a frequentar a Sede Geral. No início de 2003, mudou-se para Florianópolis onde mora atualmente, passando então a frequentar o Núcleo Estrela D’Alva.

No dia 1º de abril de 2006, foi convocado ao Corpo Instrutivo e, em 10 de fevereiro de 2013, ao Corpo do Conselho. Em novembro do mesmo ano, dentro de uma necessidade, foi eleito Vice-Presidente do Núcleo Estrela D’Alva. Recebeu a camisa de Mestre no dia 2 de julho de 2014 das mãos do Mestre Paulo Afonso. Foi Presidente do Núcleo no triênio 2015-2017.

Palavras do Mestre Gabriel Alves Condé:

“Nesta caminhada na União uma das coisas marcantes foram as amizades que fiz na minha adolescência, em especial os jovens de Campo Grande, onde organizávamos e participávamos de alguns encontros de jovens, o que me manteve ligado na UDV. Em virtude destas amizades na UDV e do trabalho realizado com os jovens, acredito que pude ver o trabalho do Mestre Gabriel de unir as pessoas pelo Vegetal. Sou grato aos amigos e aos dirigentes que fizeram este trabalho”.

Frederico Lima Vargas

FredericoFrederico Lima Vargas, 38 anos, é Mestre Representante do Núcleo Sagrada União (Dallas-EUA). É casado com Clariana Condé Vargas e pai de Luana (3 anos) e Miguel (1 ano). Nascido em Goiânia, no dia 23 de outubro de 1979, é filho de Gilson Vargas (integrante do Quadro de Mestres da Distribuição Autorizada de Vegetal de Pirenópolis) e Sandra Vargas (integrante do Corpo do Conselho da DAV de Pirenópolis). Foi batizado no antigo Núcleo Estrela do Norte (então em Brasília-DF), na presença dos padrinhos José Mauro Silveira (Mestre integrante do Conselho da Administração Geral) e Conselheira Paola Silveira (Sede Geral).

Participou das primeiras sessões no Núcleo Rei Inca (Goiânia-GO) onde cresceu e frequentou até os 16 anos. Próximo de fazer 17 anos, mudou-se para Norwood, no Estado norte-americano do Colorado, onde morou por dois anos com seus pais americanos Mestre Daniel Tucker e Conselheira Carmen Tucker. No atualmente Núcleo San Miguel, aos 18 anos associou-se e foi convocado ao Corpo Instrutivo. Aos 19 anos mudou-se para Dallas, no Estado do Texas, onde foi um dos sócios fundadores do Núcleo Sagrada União, sendo lá convocado para o CDC. No dia 10 de fevereiro de 2015, foi convocado ao Quadro de Mestres.

Palavras do Mestre Frederico Lima Vargas:

“Para mim é um motivo de alegria e grande honra poder estar aprendendo deste lugar de Mestre Representante, e poder retribuir um pouco do tanto de coisas boas que já recebi desta Sagrada Obra, à qual devo todo respeito e consideração. Espero poder fazer por onde merecer cada vez mais a presença do nosso grande Mestre Gabriel em minha vida e na da minha família, pois nele sempre encontrei um grande amigo”.

Humberto Torreão Herrera

Humberto-HerreraHumberto Torreão Herrera, 40 anos, é Mestre Representante do Núcleo Serenita (Salvador-BA). Casado com Paula Caroline Gonçalves Herrera, tem quatro filhos: Júlia (20 anos), Emilly (13 anos), Francisco (10 anos) e Guilherme (5 anos). É filho do Conselheiro Alberto Herrera Camacho e da Conselheira Antonia Torreão Herrera, ambos filiados ao Núcleo Serenita. Seus pais foram sócios fundadores do Núcleo Apuí (Salvador-BA) e também do Núcleo Serenita, e têm sete filhos, todos sócios da União do Vegetal.

Sempre frequentou o dia a dia do Núcleo Serenita e as Sessões que eram autorizadas na infância e na juventude. Associou-se em 1º de novembro de 1997 e quatro meses depois foi convocado para o Corpo Instrutivo. Em 2003, foi convocado para o Corpo do Conselho e em 2005 para o Quadro de Mestres. Ocupou o cargo de Presidente de Núcleo no triênio 2006 a 2008 e de Responsável Nuclear pela Orientação Espiritual com Crianças e Jovens (OE) no triênio 2015-2018.

Palavras do Mestre Humberto Torreão:

“Minha eterna gratidão aos meus pais, C. Alberto e C. Antonia, por terem me criado na União e me ofertado este caminho pra seguir, exemplo que sigo fazendo o mesmo por meus filhos e por todos aqueles, crianças, jovens e adultos, que temos a oportunidade e o dever de orientar”.

Pedro Da Rós

Pedro-Da-RosPedro Da Rós, 35 anos, é Mestre Representante do Núcleo Gaspar (Brasília-DF). Já ocupou também os cargos de Tesoureiro Geral e Vice-presidente da Diretoria Geral. Chegou ao Quadro de Mestres em 1º de novembro de 2012. É casado com a Conselheira Bianca Rivelli Capuccio Da Rós e pai de Marilia (21 anos), Eduardo (5 anos) e Marcela (2 anos).

Nasceu em uma família que já estava frequentando a União do Vegetal há aproximadamente três anos. Seu avô materno, Yolando Barbosa Castro, foi a primeira pessoa da família a ficar sabendo da UDV. Em 1979, junto com ele e a família chegaram os seus pais: Márcio Da Rós (hoje Mestre no Núcleo Conselheiro Salomão Gabriel, João Pessoa-PB) e Yolanda Neves Castro (hoje Conselheira no Núcleo Gaspar), no então Núcleo Estrela do Norte, em Brasília.

Associou-se em 6 de janeiro de 2001, durante a Representação de seu pai no Núcleo Gaspar. “Para mim, foi uma grande honra receber a camisa de sócio das mãos do meu pai”, afirma Mestre Pedro Da Rós.

Palavras do Mestre Pedro Da Rós:

“Tenho um sentimento bom, de continuar trabalhando pelo engrandecimento desta Obra Sagrada, com o objetivo de auxiliar a cumprir a palavra do nosso Guia Espiritual, Mestre Gabriel, de fazer uma Paz no mundo, pela União das pessoas. Minha expectativa é de continuar vendo o Núcleo Gaspar prosperando! Integrar mais a irmandade, fortalecer a amizade entre nós, fortalecer as famílias, proporcionar mais momentos de espiritualidade e aprendizado, e trabalhar a Preparação de Dirigentes”. 

*Jocimar Nastari é integrante do Corpo do Conselho da Sede Geral (Brasília-DF) e Diretor Adjunto do Departamento de Memória e Comunicação (DMC) da Diretoria Geral da UDV.

PPost atualizado em 10 de julho de 2018. 

25 respostas
  1. Graça Mendes
    Graça Mendes says:

    Que noticias lindas!!! Caianinhos jovens que vem somando em nossa religião. Saúde aos senhores e senhoras, os quais conheço bem pequeninos. Bons espelhos aos que vem chegando, devagarinho e firmes. Alegria para minha pessoa.LPA

  2. Ângelo Reis
    Ângelo Reis says:

    Fiquei bem feliz com essa matéria divulgada pelo Blog, assim podemos perceber o crescimento desta Obra, sua grandeza chegando de geração em geração e proporcionando evolução para as pessoas. Feliz também em ver meus amigos de diversos lugares galgando os degraus da Escada e colaborando com este trabalho que teve início com o Mestre Gabriel, sua Família e os primeiros irmãos. Luz, Paz e Amor pra todos e que o Mestre continue nos abençoando!!!

  3. Luiza Mascarin
    Luiza Mascarin says:

    Emocionante essa publicação.
    O Mestre nos deu esse maravilhoso lugar que é a União e nele encontramos amizades verdadeiras e mais ainda, uma família. Pra mim, a União é a minha família. Meu sentimento de gratidão à esses amigos que hoje conduzem esse rebanho. Que o Mestre os guarneça sempre e à todos nós.

  4. Cristiano Gobbi
    Cristiano Gobbi says:

    E assim continua a História da Hoasca, com a contribuição de cada um que vem seguindo este Caminho que o Mestre vem nos ensinando a trilhar. Que estes dedicados irmãos que conheceram o Vegetal na mais tenra idade sejam sempre transmissores desta Doutrina Sagrada.

  5. Rejane Hoisel Arléo
    Rejane Hoisel Arléo says:

    Muito legal ler esse artigo.
    É muito bom ver pessoas que nasceram na UDV sendo dirigentes desta obra e dando continuidade ao trabalho do Mestre.
    Tenho 3 filhos que nasceram na União (como costumamos dizer) e também uma neta que nasceu na UDV.
    É uma tranquilidade vê-los crescer em um ambiente sadio e que considero um porto seguro.
    Desejo felicidade para todos!

  6. Mariana Mesquita
    Mariana Mesquita says:

    Parabéns pela publicação. É muito bom fazer parte dessa linda história da UDV e ela também fazer parte da minha vida desde que nasci. Fico feliz por ver tantos amigos de infância auxiliando na obra do Mestre.

  7. Érica Monteiro
    Érica Monteiro says:

    Quanta beleza nesta reportagem!
    A força da família e da herança de valor sem fim, que passam de pais para filhos.
    Somos os herdeiros do futuro como diz uma música bonita!
    Que possamos sempre honrar este lugar de trabalhar pelos nossos descendentes nesta obra sagrada!
    A todos minha mais sincera admiração,
    Abraços
    Érica Monteiro 3a região

  8. Carlos Ugo Giannotti
    Carlos Ugo Giannotti says:

    É com felicidade que digo que todos nascemos na União, ao despertamos para a vida espiritual. Vi alguns hoje Mestres crianças o que me faz ter certeza das palavras: “as crianças de hoje serão os dirigentes da União amanhã”. Salve a União.

  9. Julia Motta
    Julia Motta says:

    Irmãos homenageados e seus familiares ,
    É com alegria e gratidão ao Mestre Gabriel, aos pais e mães de vocês e a todos vocês que escolheram este caminho que leio as mensagens .
    Em 2010 fizemos uma pesquisa com adultos que passaram a infância e adolescência na União. As respostas de vocês à pesquisa tem sido até hoje estímulo e dicas para nosso trabalho da Orientação Espiritual.

    Abraço fraterno
    C. Julia Motta, N. Alto das Cordilheiras (Campinas, SP).

  10. Almir Nahas
    Almir Nahas says:

    A árvore se conhece pelos frutos. O que mais se pode dizer diante desses exemplos? Que sirvam de incentivo para tantos pais que fazem o melhor de si para que seus filhos tornem-se bons cidadãos, dispostos a fazer o bem.

  11. Erika Madeliane
    Erika Madeliane says:

    Que feliz reportagem, que lindos depoimentos.
    Que a força da união se perpetue com nossos filhos e os filhos de nossos filhos,..
    Parabéns equipe do Blog você estão a cada reportagem tocando nossos corações.
    Grande abraço a todos

  12. Paola Simoni Silveira
    Paola Simoni Silveira says:

    É muito bom ver esses jovens adultos ocupando lugares de relevada importância. Sonhos que se tornam realidade para os pais, que plantaram nos corações dos filhos a semente da União. Este é o maior legado que podemos deixar para nossos filhos, o caminho da espiritualidade e perceber que eles reconhecem a importância que isso tem em nossas vidas. Tenho visitado muitos Núcleos e visto o quanto nossos jovens estão envolvidos em diversas frentes de trabalho, muitos deles já podemos contar com seu apoio, disposição e responsabilidade, é bonito de ver, renova nossa fé e esperança por dias melhores.

  13. Jean Carlos Freire Lima
    Jean Carlos Freire Lima says:

    É bom ver esses Caianinhos que tiveram o merecimento de nascer em famílias sócias do Centro. Desde novos, com dedicação, trabalham pela construção de uma sociedade melhor. E alguns, seguindo os exemplos dos pais, chegam aos lugares de comando da UDV.

    Na 7ª Região no triênio 2015/2018 tivemos o Mestre Arnaldo Alexandrino, que desde criança frequenta a UDV, na Representação do Núcleo Belo Jardim. E agora, na Representação do N. Jardim Real, o Mestre Edson Costa que também chegou criança à UDV.

    Assim, na pessoa do mestre Frederico Vargas parabenizo esses jovens senhores que ora ocupam os lugares de Mestres Representantes. Um forte abraço a todos!

    Jean Freire,
    Núcleo João Lango Moura
    Rio Branco/AC

  14. Valéria Aparecida Vieira
    Valéria Aparecida Vieira says:

    Sementes plantadas, regadas com muito amor e florescendo no trabalho de continuar a obra do Mestre Gabriel de trazer Paz ao mundo, bom exemplo e inspiração para continuarmos o trabalho da OE com carinho e dedicação!!!

  15. Marcos Lessa
    Marcos Lessa says:

    Muito feliz e me sentido fortalecido lendo essa matéria.
    A gente que teve essa fortuna e responsabilidade de estar no Centro desde os primeiros anos de vida tem na raiz bem plantada tantas memórias que nos fazem continuar seguindo nesse caminho.
    Que o Mestre nos abençoe e que continuemos crescendo.
    A todos esses amigos que vi na matéria, meu abraço mais fraterno.

  16. Renato Arléo
    Renato Arléo says:

    Que beleza poder ver pessoas que se plantaram em solo fértil. Dos que conheço, são pessoas amigas, ordeiras e trabalhadoras que se empenham pela Obra do Mestre, junto com seus irmãos. As crianças e jovens de ontem, hoje auxiliam a conduzir o barco. E esta é também uma das belezas desta história… Ela sempre continua.

  17. Sandra Miranda Pereira
    Sandra Miranda Pereira says:

    Fiquei emocionada com a matéria! Acredito na força da juventude, chegando, com uma compreensão um pouco melhor do que a minha quando cheguei! Já presencio a chegada de alguns aqui na 3ª Região e em outras também! É muito bom saber que nossos frutos estão crescendo!

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta