Com coragem e confiança o Núcleo Samaúma nasceu há 50 anos

Fabio Angelino Fortunato*

| 10 Setembro, 2022

Foto PB: Sérgio Polignano (1981) | Composição: Juliane Oliveira.

Nos anos 1970, São Paulo, Brasil e o mundo estão sob novas e tantas influências. Movimentos e mudanças, novos olhares e comportamentos, contestar, protestar, tudo era um impulso de mudança. O mundo fervilhava. Seria necessário detalhar, especificar cada movimento surgido para dimensionar as influências vividas naquela época.

Mas não é a respeito desses movimentos que escrevo. Surgia dentre tantos, em São Paulo, um deles. Essencialmente brasileiro, ainda pequeno na geografia, simples, quieto, caboclo e portanto universal. Movimento nortista, veio do Norte, sacolejando via Viação Motta.

>> Clique aqui e acesse a Galeria de Imagens do Núcleo Samaúma | Especial – 50 anos. 

Falo do movimento chamado Núcleo Samaúma, oficializado numa tarde de 10 de setembro de 1972, em cartório já com esse nome. No mesmo dia, às 20hs foi marcada uma sessão.

Éramos cerca de vinte presentes, sem uniformes e tinha novatos. Na cabeceira em Cotia (município da Grande São Paulo), num sitio, numa garagem, Hilton Pereira Pinho (Mestre Hilton). Na cabeceira da União do Vegetal, em Porto Velho, no lugar de Mestre Geral Representante, Raimundo Monteiro de Souza (Mestre Monteiro).

A ousadia dos presentes na Sessão se revelava nos 330ml de Vegetal servido e bebido. “Um pouco”, “menos”, “tira um pouquinho”, “tô tomando remédio” não eram palavras do repertório na época, fosse quem fosse. A burracheira mandava, protagonista, intensa, alta, reveladora, transformadora, encantadora, imensamente cativante. Uma após outra. Quando tem mais? Quantos mais para chegar?

A coragem e a confiança eram muito maiores que a ignorância diante da novidade. Era pouco o medo e muita a audácia. Assim era. O Núcleo Samaúma estava criado, no cartório e no astral. E aqui nos encontramos e estamos e continuamos para sempre, pois sem fim é o nosso Mestre Gabriel.

Gratidão

Agora digo, mais pessoalmente, o quanto sou pequeno para conter tanta gratidão do recebido. Inicialmente a três Mestres sem os quais nada se veria ou viveria como Caianinho por aqui.

Ao Mestre Florêncio, querido amigo. Sempre a nos visitar. Deu o Vegetal para que aqui se iniciasse o movimento. “De Manaus a UDV vai se espalhar pelo mundo”. Sagaz** que era, ouviu as palavras do Mestre, obedeceu e previu. Estava certo, cumpriu-se a palavra e se responsabilizou amorosamente fiel pela semente plantada. Tudo o que foi possível, em todas as estações, o Sabiá do Mestre cantou, falou e ensinou.

Ao Mestre Hilton que no início do Núcleo, após 5 a 6 dias de ônibus, quando a estrada Porto Velho, Cuiabá, São Paulo estavam boas, por aqui aportava com o Vegetal preparado pelo Mestre Herculano. Era a festa consagrada. Chegança sempre bem-vinda nos trouxe a burracheira e as orações aqui dentro desta casa.

Ao amado amigo Mestre Monteiro que desde sempre nos cuidou com todo carinho e dignidade por ser o primeiro responsável pela criação deste Núcleo. Autorizou a criação quando era Mestre Geral Representante. E como o criador ama e cuida da criatura, aqui sempre esteve e está nos momentos de necessidade e de belezas. Problemas no Núcleo Samaúma? Pé na estrada em socorro. Incansável, mãos estendidas, coração amoroso cheio de veneração ao Mestre Gabriel e naturalmente aos irmãos.

Aqui registro, querido amigo Mestre Monteiro, a nossa imensa gratidão, pequena ainda, diante de tanta grandeza ofertada pelo senhor a este Núcleo. Exemplo a ser seguido, és digno e assim seja feita por todos os corações que por aqui passaram, estão e virão a devida louvação por todo o bem que plantastes.

Sintam-se homenageados todos os Mestres da Origem que sempre nos ensinaram e ensinam mostrando a direção a seguir.

Aos amigos e amigas de caminhada. Que bom que vocês existem…

Ao amado Mestre Gabriel, Anjo de Nossa Guarda, aqui nos prostramos diante de tua grandeza, humildade e amor. Sem ti não haveria a estrela bonita a nos encantar.

Gratidão imensa aos meus pais e a minha amada esposa Conselheira Else Fortunato.

*Fabio Angelino Fortunato é integrante do Quadro de Mestres do Núcleo Samaúma (Araçariguama- SP) e um dos fundadores desse Núcleo.

**Sagaz: que tem agudeza de espírito; perspicaz; penetrante (Novo Dicionário Aurélio).

>> Assista aqui o vídeo produzido em 2017 e que apresenta um pouco mais deste valioso Núcleo Samaúma.

21 respostas
  1. Ivan de Souza
    Ivan de Souza says:

    Caiu um cisco aqui, no olho.
    Belíssimo depoimento, onde o pulsar do coração pode ser ouvido e sentido!
    Parabéns ao Núcleo Samaúma!!!
    Parabéns aos pioneiros!!
    Viva a União Do Vegetal !!!
    Viva o Mestre Gabriel!!!

    Responder
  2. Alysson Bastos Sena
    Alysson Bastos Sena says:

    Saúdo todos os amigos queridos deste núcleo de pessoas gentis que preservam os ensinamentos do nosso Mestre Gabriel com muita alegria e dedicação. Uma recepção calorosa e fraterna são características fundamentais da irmandade desse núcleo. Tive a honra de conhecer o núcleo assim que entre na UDV em 2015. E fomos bem recebidos e agraciados de muito carinho. Tenho essa irmandade no meu coração ❤. Gratidão ao Mestre Gabriel e a todos por esse ponto de luz divina no sudeste do nosso país. Parabéns pela existência desse núcleo que é o pioneiro do Sudeste do País. C.Alysson Bastos Sena – N. Caupuri (Manaus-Am)

    Responder
  3. Henrique Salles Gentil
    Henrique Salles Gentil says:

    Salve o Núcleo Samaúma, de onde tantas sementes se distribuíram e floresceram em Núcleos que hoje compõem diversas Regiões da UDV!
    Gratidão a todos os irmãos e irmãs que, ao longo de tantos anos, vêm realizando tão amoroso trabalho em prol da Obra do Mestre Gabriel.
    Saúde, paz, prosperidade e alegrias!

    Responder
  4. Alzira Pereira
    Alzira Pereira says:

    Gratidão aos primeiros irmãos que me receberam nesse Núcleo abençoado, desejo que a luz do nosso Mestre esteja sempre presente na caminhada de todos os irmãos.
    Parabéns!

    Responder
  5. Dalva Zampiér
    Dalva Zampiér says:

    Viva o Núcleo Sumaúma sempre em minha memória, com carinho, respeito e gratidão!
    Lindo vídeo, me emocionei
    Parabéns a todos que ao longo do Tempo deram e continuam dando sua colaboração fraterna para que os que chegam nesta Casa Santa recebam a Luz a Paz e o Amor em seus corações.
    C.Dalva – Núcleo Rainha das Águas
    Caldas – MG

    Responder
  6. Marcel Renee Cardenuto
    Marcel Renee Cardenuto says:

    Eita saudades da casa de mamãe, mamãe Samaúma, núcleo mãe de alguns outros núcleos e de inúmeros discípulos. Hoje em terras Valencianas, veizinquando me encontro com algumas paineiras cor de rosa como as de São Paulo, me sinto reconfortado. Saudades desse núcleo e dessa galera.
    Momentos maravilhosos vividos em quase 20 anos frequentando esse templo sem cantos e cheio de encantos.

    Responder
  7. Ivo Paixao
    Ivo Paixao says:

    Dia bonito para o Núcleo Samaúma. Analisando as palavras do M. Fábio Fortunato, vejo uma visão bonita da obra do Samaúma. Boas palavras. Ele citou o M. Florêncio, M. Hilton e M. Monteiro. Bom reconhecimento. Mas, eu como filho do M. Paixão, faço uma ressalva: o M. Paixão teve uma fundamental participação nesses 50 anos de Samaúma, pois na época foi o único que aceitou essa responsabilidade juntamente com irmandade de conduzir o Samaúma e auxiliar no seu crescimento.

    RESPOSTA:
    “Caro amigo Ivo.
    Neste texto fiz referências apenas aos Mestres do início da formação do Núcleo que estavam presentes aqui e nem sempre lembrados.
    Note que também nas minhas lembranças estão ausentes outros também importantes.
    Compreendo seu coração e estamos juntos, e sempre estivemos nos momentos mais sofridos e jamais nos esqueceremos do que nosso amado amigo, seu pai, realizou.
    Peço sua compreensão com a minha defeituosa inspiração que desta vez se manifestou assim.
    Abraço forte de amigo que sempre fomos e somos.”

    Fábio Fortunato.

    Responder
    • Ivo Marcelo
      Ivo Marcelo says:

      Fabio Fortunato, Mestre querido
      Por todos nós, gratidão por sua explicação e gratidão por sua valiosa contribuição pela obra do Núcleo Samaúma. Mestre Fábio, tenho o sr. como referência em disciplina e amizade, grato.

      Responder
  8. Augusto Chalegre
    Augusto Chalegre says:

    Emocionante. Palavras temperadas com amor e reconhecimento ao trabalho realizado por pessoas valiosas ao longo desses anos. Que dádiva é poder ver a expansão e o cumprimento da palavra do Mestre…
    Faço votos de prosperidade para a irmandade do Núcleo Samaúma e para toda a União do Vegetal, que tenhamos sempre motivos para celebrar e agradecer pelas bênçãos recebidas.

    Responder
  9. Graciete Venturi
    Graciete Venturi says:

    Quando me casei com o C Paulo Venturi, o M Miguel Venturi a quem tenho eterna gratidão por ter me trazido nesse lugar de Luz Paz e Amor logo me falou da União do Vegetal e do Núcleo Samaúma . Lugar esse que amo muito e tenho no coração por tantas alegrias já vividas. E ainda por viver..Onde fortaleço minhas raizes espirituais e caminho junto com minhas filhas netos e amigos.

    Responder
  10. Maria Eronildes Castelo
    Maria Eronildes Castelo says:

    Quanto amor nesse relato histórico. Parabéns o querido Núcleo Samaúma, à toda irmandade votos de fortuna, abundância e prosperidade material e espiritual!

    Responder
  11. Paulo Fernando C. Junqueira
    Paulo Fernando C. Junqueira says:

    Suas sementes chegaram aqui no Sul de Minas Gerais, da Princesa, nasceu o Núcleo Rainha das Aguas. Suas raizes, nossas raizes, bendita fonte que vem brotando em nossos corações. Viva o Núcleo Samaúma e sua história, sementes e frutos. Gratidão!

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *