Gravado no coração

Fábio Angelino Fortunato*

| 8 abril 2018

Mestre Mário Piacentini recebendo a camisa de Mestre Representante das mãos do Mestre Paixão, Mestre Central na época | Foto: Sérgio Polignano

“Pacientemente ele chegou. Atentamente observou. Desconfiado que era, pisou devagarinho no novo chão, São Paulo. Dona Severina, filhos, malas. Aterrissou. Ouvia, compreendia, acolhia e sorria. Era bem-vindo e trazia bem-aventuranças a todos. Veio a convite nem sabia mesmo de quem, ou como era de verdade esse Mestre Mario Piacentini. E que dupla formaram…. Conheceram-se, tornaram-se amigos. “Se não posso ser amigo do Rei, sou amigo do amigo do Rei’, Dizia o anfitrião.

Mestre Paixão, de passibilidade firmada pelo Mestre, três anos de Representante do Mestre Gabriel em Porto Velho. O único com tanto tempo nesse serviço, de servir…

Foi conhecendo tudo aos pouquinhos e entendendo devagarinho para começar a missão: Chamar os caianinhos e ensinar o caminho.  

Aprendeu a gostar de música orquestrada, flauta peruana, e a nós mostrou os forrós, “Os Nonôs e Nanás”, Marines, Trio Nordestino, Jacinto Silva e tantas outras preferidas do Mestre.

Doutrinava firme, forte e com palavras e prática tocava no coração de todos. Onde estava Mestre Paixão tinha boas conversas, boa comida, vegetal e boa burracheira. Bons tempos…..

Bons tempos vividos de reconstrução do Núcleo Samauma. Cumpriu exemplarmente o lema de nossa bandeira “Ordem e Progresso”.

Construiu o templo, reuniu os discípulos, ensinou e cativou. Trouxe mais para perto, ou melhor, para dentro de todos, o seu amado Mestre. Contou histórias, chorou de saudade, encantou, chamou e cumpriu o “espalhamento” da União pelo Sul e Sudeste do Brasil. 

Sofreu e reergueu-se, ensinando a ir em frente, sempre.

A passagem dele por nossas vidas deixou gravado no coração de tantos o que há de sublime, amoroso, vivíssimo, brilhante, alegre e tudo o mais de fraterno que possa estar contido nas três letras UDV.

Salve amigo. A lembrança de teus passos entre nós não passará.”

*Fábio Angelino Fortunato é Mestre Central da 1ª Região da América do Norte.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta