Mestre Roberto Evangelista: a vida e a espiritualidade com poesia

| 12 Dezembro, 2019

Mestre Roberto, Conselheira Ana Evangelista e filhos | Acervo Pessoal.

No dia 12 de novembro de 2019, aos 73 anos, fez a passagem o Mestre Roberto Evangelista (Integrante do Conselho da Recordação dos Ensinos do Mestre Gabriel e Mestre Assistente Geral do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal). O Blog da UDV presta uma homenagem a este senhor neste texto de autoria do Mestre Representante do Núcleo Menino Deus (Manaus-AM), Armínio Adolfo Pontes e Souza.

O poeta amigo e o amigo poeta, nascido com o dom de usar a palavra, expressando de forma poética a vida, o cotidiano e a espiritualidade. Quando chegou à UDV, agregou a este dom o cuidado com os mistérios das palavras, com uma oratória que ao mesmo tempo que expandia a compreensão dos assuntos, nos fazia mergulhar mais a fundo no estudo da ciência divina.

Conheci o Mestre Roberto Evangelista em uma Sessão de Escala no Núcleo Princesa Sama (Manaus- AM) em 1990, onde chamou minha atenção aquela oratória em tom firme e orientador, destacando a orientação aos pais para que tivessem cuidados com determinados programas exibidos nas emissoras de televisão, assistidos pelos filhos.

Em 1995, pude ouvir e receber dele um conselho oriental que norteou minha vida naquele momento, pois passava por alguns testes.

Passados alguns anos, ele e a família vieram para o Núcleo Princesa Sama, isto em julho de 2002. Poucos meses depois, fui eleito Mestre Representante do Núcleo. Senti um enorme peso da responsabilidade com a presença de um membro do Conselho da Recordação e Mestre Assistente Geral. Mas nada acontece por acaso, porque recebi um bom apoio e orientação, importantes no aprendizado do lugar.

Naquele período, o Núcleo experimentou uma fase de crescimento do número de sócios e, em fevereiro de 2004, perguntei ao Mestre Roberto se ele tinha vontade de iniciar um Núcleo na UDV. Após breve pensar, ele disse que sim, então falei da necessidade de começarmos a organizar pessoas para um futuro desmembramento e o convidei para ser o futuro Mestre Representante. Ele ficou de pensar. Após alguns dias, voltamos a conversar e ele disse que não poderia, naquele momento, pelo cargo que estava ocupando.

Em meados de 2005, o Núcleo Princesa Sama já contava com mais de 180 associados e voltamos a conversar. Daquela vez, ele disse que estava querendo iniciar este trabalho do novo Núcleo. Em 18 de novembro de 2007, inauguramos o Núcleo Menino Deus. Na sequência, assumi o cargo de Mestre Central da 2ª Região (Amazonas), recebendo dele total apoio e auxílio.

Já em 2012, fui com minha família para seguirmos no Núcleo Menino Deus com o objetivo de auxiliar o Mestre Roberto Evangelista que passava por um período de necessidade de mais saúde, se recuperando de uma cirurgia na perna. Foi a oportunidade de poder retribuir um pouco do tanto que recebi dele. Em 2018, recebi o cargo de Mestre Representante do Núcleo Menino Deus. Foram dias em que estivemos mais próximos, sempre nos aconselhando e nos orientando.

Neste período, vi um discípulo do Mestre sendo um bom exemplo de transformações e crescimento, sua visão e sensibilidade espiritual cresceram com os anos, demonstrando um caminhar na humildade em suas palavras e ações, sempre ligado aos acontecimentos da UDV e procurando ensinar aos discípulos os ensinos do Grande Mestre.

Mais recentemente, conversávamos muito a respeito do crescimento e expansão da UDV, da necessidade de melhor preparação dos atuais e dos futuros dirigentes do Centro, da preservação dos ensinos e da manutenção da simplicidade e origem da UDV.

Neste ano de 2019, inteirou 50 anos de casado e dirigiu algumas Sessões no Núcleo Menino Deus, dentre elas a do dia 10 de fevereiro (data do seu aniversário), 22 de julho e parte da Sessão do dia 1º de novembro.

Nesta Sessão, pediu para ouvir a música Mutirão, da saudosa Marinês. Parecia que estava prevendo seu momento de voltar ao plano dos espíritos, “mutirão é fim de pranto”. E foi durante uma semana de intensos trabalhos de mutirão em preparação para o 12º aniversário do Núcleo Menino Deus que o poeta fez a passagem. Era um final de tarde do dia 12 de novembro. Seguiu em paz deixando bons exemplos e amigos, um legado de trabalho na UDV e uma família bem orientada.

Ana, Ana. Era assim que ouvíamos muitas vezes ele chamar sua querida e amada esposa, Conselheira Ana Evangelista.

Gratidão Mestre, amigo e poeta.

>> Clique aqui e assista o depoimento do M. Roberto Evangelista na Série Mestres da Origem.

12 respostas
  1. Joselito Soares
    Joselito Soares says:

    Tive a alegria de assistir uma sessão sob sua direção em representação ao nosso guia espiritual, me encantei com sua firmeza e inteligência, mas, foi sua amabilidade no trato com os irmãos que me deixou admirado. Sua elegância no trato é algo sublime.
    Que esteja ao lado do nosso Mestre Gabriel e que siga sempre feliz.

    Responder
  2. Édson Sousa
    Édson Sousa says:

    Tive a oportunidade de conhecê-lo em jun/1982, no Núcleo Caupuri. Sua oratória respeitosa me chamou a atenção pelo jeito educado e firme em seu falar. Eu, recém chegado na UDV, fui por ele convidado a participar de um Preparo de Vegetal por ele dirigido. Achei muito cativante esse convite, o que me fez aproximar ainda mais e aumentar a vontade de conhecer mais o Vegetal.

    Sou grato por estes momentos vividos e guardo no meu Coração as boas coisas que vivenciei. E, sempre que possível, relembro e coloco em prática.
    Hoje na Representação do Núcleo Tiuaco, muitos conselhos e ensinamentos recebidos, são por mim utilizados como base na aplicação dos ensinos trazidos pelo Mestre Gabriel neste caminho de Luz, Paz e Amor.

    Grato meu amigo, grato meu irmão.
    Luz, Paz e Amor…

    Édson Sousa
    Manaus-Am.

    Responder
  3. Francisco Gomes (Chico Gatão)
    Francisco Gomes (Chico Gatão) says:

    Quando cheguei na UDV, pouco tempo depois conheci, M. Roberto Evangelista. No meu modo de ver, ainda aprendendo a melhor maneira de me expressar, disse a ele: “Mestre, o senhor é o meu `sonho de consumo` como Mestre”. Hoje passadas duas décadas, faço uma releitura e digo: ” Mestre Roberto Evangelista: um bonito exemplo de Mestre, amigo e irmão na UDV.”. Graças a Deus tive a oportunidade de conhecê-lo e aprender lições valiosas que ficaram gravadas em meu coração: sua atenção, seu carinho e exemplo de bom trato ecoam na lembrança daqueles que tiverem o prazer de conhecê-lo e aprender as lições do como responder uma pergunta, ou mesmo trazer uma doutrina com Luz, Paz e Amor. Um discípulo obediente do Mestre a serviço da Sua Obra.

    Responder
  4. FRANCÉLIO VIEIRA DE SOUZA
    FRANCÉLIO VIEIRA DE SOUZA says:

    Tive a honra de conhecer este senhor e Mestre amigo, nos meados de 2004 no Núcleo Princesa Sama. Onde lá, vi e recebi ensinamentos preciosos. Sua maneira de ensinar era cativante por valorizar as perguntas no Salão do Vegetal. O tratar bem os irmãos era uma marca sua. Sua maneira e fineza ao falar com os irmãos era destacável. Elevo votos de Gratidão pelo belo trabalho realizado na UDV. Vejo como um bom discípulo e estudante do ensinos do Grande Mestre.

    Responder
  5. Marjore Costa
    Marjore Costa says:

    Um bom amigo, conselheiro.
    Grata a Deus e ao Mestre Gabriel em poder estar convivendo em alguns desses momentos no Núcleo Menino Deus. Momentos guardados no coração.
    Marjore Costa – 2ª Região NMD

    Responder
  6. Janaína Rodrigues
    Janaína Rodrigues says:

    Sou grata ao Mestre Gabriel por esse lugar que tanto venho aprendendo e buscando evoluir.
    Não conheci o Mestre Roberto Evangelista em matéria, mas venho conhecendo muito desse senhor de fino trato através desse site da UDV.
    Quero aqui externar minha gratidão à todos envolvidos nesse trabalho, em especial, nesse momento, ao M.Armínio por passar com tanta clareza um pouco da vida de M. Roberto.

    Responder
  7. Antônio Pereira Mesquita
    Antônio Pereira Mesquita says:

    Amigos, conheci Mestre Roberto Evangelista e sua digna familia em 1990 visitando o Nucleo Caupuri em Manaus – Am, onde tive o privilégio de me tornar amigo dele e de sua familia, C. Ana e filhos. Mestre Roberto me pediu pra que providenciasse a segunda via de seu Registro de Nascimento uma vez que era natural de Cruzeiro do Sul – Acre, assim fiz e entreguei e via sua alegria, quando estive na Representação do Núcleo Cruzeiro do Sul o convidei juntamente C. Ana pra nos visitaram por duas vezes. Boas recordações e ensinamentos recebidos. Saudade e gratidão são as palavras que digo. Desejo a familia do Mestre Roberto Evangelista saude e vida longa. Que o Mestre os abençoe.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta para FRANCÉLIO VIEIRA DE SOUZA Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *