Antônio Gabriel da Costa, amigo irmão

José de Anchieta Torreão de Sá*

| 18 Outubro, 2019

Mestre Antônio Gabriel da Costa | Foto: Bento Viana.

Nascido no dia 18 de outubro de 1927, Mestre Antônio Gabriel da Costa estaria fazendo hoje 92 anos de idade. Deixou saudades entre os que o conheceram, e um legado de amizade e de simplicidade.

Dos irmãos do Mestre Gabriel, apenas dois se associaram ao Centro Espírita Beneficente União do Vegetal: Maria, mais velha que o Mestre Gabriel, chegou ao Corpo Instrutivo no Núcleo Apuí, em Lauro de Freitas (BA), onde frequentava; e Antônio Gabriel, que chegou ao Quadro de Mestres.

Mestre Antônio bebeu o Vegetal pela primeira vez com o Mestre Gabriel em Porto Velho (RO), em setembro de 1971, após uma viagem que demorou alguns meses. Nas palavras de Maria: “Antônio foi porque Zé (nome pelo qual o Mestre Gabriel era conhecido pelos irmãos) tava chamando ele”.

Mais novo cinco anos que o Mestre Gabriel, Antônio, desde criança, foi seu discípulo. Com ele aprendeu a fazer as quatro operações aritméticas e a escrever o próprio nome. O papel era a areia do chão da Fazenda Pedra Nova, no município de Coração de Maria (BA), onde nasceram; e a caneta era o dedo.

De Porto Velho, ele acompanhou o Mestre Gabriel até Manaus (AM). Lá, ele ficou enquanto o irmão seguiu para Brasília, naquela que seria sua derradeira viagem. Quando chegou a notícia de que o Mestre Gabriel havia feito a passagem, Mestre Antônio voltou a Porto Velho para auxiliar a família do seu irmão. Lá, ficou em torno de seis meses, dando uma real demonstração de desprendimento e de amor pelo Mestre Gabriel e pela família dele.

Mestre Antônio foi sócio fundador do Núcleo Apuí (primeiro Núcleo do Nordeste e origem da 4a Região) e também do Núcleo Coração de Maria. É também autor de duas chamadas: “Meu Jesus Crucificado” e “Fortaleza do Mestre”.

E hoje, neste dia em que comemoramos o nascimento do Mestre Antônio Gabriel, o Núcleo que tem seu nome também festeja seu primeiro aniversário. A criação deste Núcleo, em 18 de outubro de 2018, é uma justa homenagem a esse Mestre que tanto trabalhou pelo engrandecimento da União do Vegetal, e um reconhecimento da 4a Região a esse amigo que está aqui conosco desde o início.

*José de Anchieta Torreão de Sá é Mestre Assistente Geral do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal e um dos pioneiros da 4ª Região.

11 respostas
  1. Samira Tatiana Moura
    Samira Tatiana Moura says:

    Lembrança saudosa de um amigo de coração simples, acolhedor e leal. Que a alegria e a amizade sincera que M. Antonio cultivou como exemplo, esteja presenta nos nossos corações e na irmandade desse núcleo.
    Parabéns!!!
    Luz, Paz e Amor.

    Responder
  2. Nazareth Roriz
    Nazareth Roriz says:

    É tão bonito ver o reconhecimento pelos feitos dos irmãos e a amizade entre os Mestres Antônio e Anchieta.
    Grata pelas boas palavras que me fizeram viajar no tempo e lembrar das visitas que Mestre Antônio Gabriel fazia ao Núcleo Apuí, trazendo de uma forma simples as histórias dele com o Mestre Gabriel.
    Desejo prosperidade ao M. Anchieta, Mestre Assistente Geral.

    Com carinho.
    Nazareth Roriz

    Responder
  3. Silvio Mendonça Gomes
    Silvio Mendonça Gomes says:

    Foi pra mim merecimento ter lhe conhecido em matéria, guardo no coração sua simplicidade, ensinamentos que trazia a presença do Mestre Gabriel.

    Responder
  4. Eric Botassine
    Eric Botassine says:

    Excelentes memórias. Me sinto honrado por ter tido a oportunidade de ser amigo desse nobre sertanejo. Pelas vivências, histórias, sorrisos, viagens. Mestre Antônio sabia aproveitar a vida e o que ela tinha de melhor na sua essência. Aquele sorriso nas nossas chegadas está gravado na memória. Gratidão a Deus por essa oportunidade. Quando levava as pessoas lá em Coração de Maria ele sempre dizia: “não demorem de voltar, se não eu esqueço o nome de vocês…” Saudades sinceras, meu amigo.

    Responder
  5. Maria José Lana Lopes
    Maria José Lana Lopes says:

    Tive oportunidade de conhecer o Mestre Antônio Gabriel em sua casa.
    Conversamos a respeito do Mestre Gabriel.
    Ele recebeu a mim e minha família e foi muito agradável e importante conhecê-lo.
    Que ele esteja junto ao Mestre Gabriel dentro do Símbolo da União:Luz, Paz e Amor.

    Responder
  6. ROBERTO MATOS AMORIM
    ROBERTO MATOS AMORIM says:

    Quando estive em Coração de Maria, pela primeira vez, lembro bem da voz do Mestre Antônio, bem cedinho, antes do Sol raiar: “Vamos acordar, que passarinho que não deve nada a ninguém já está de pé.” Acho que foi a única vez que alguém me acordou e me viu bem humorado…
    Ele era assim: bem humorado. E isso era uma característica da sua personalidade que me marcou. Sempre nos fazia rir com suas brincadeiras…
    Como bem descreveu o Mestre Anchieta, ele realmente tinha um legado de amizade e simplicidade.
    Saudade do bom convívio e amizade que tive com o Mestre Antonio Gabriel. Guardo boas lembranças em minha memória e no meu coração.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta para Samira Tatiana Moura Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *