Mestre Aníbal, um amigo que a muitos cativou

| 17 Março, 2022

Francinete Giffoni*

Mestre Aníbal – Aníbal Queiroz Braga | Arquivo Familiar.

Mestre Aníbal Queiroz Braga, com sua presença marcante, extrovertida e alegre, cativava a amizade de todos. Com sua excelente memória, dedicava-se ao estudo e à transmissão fiel dos ensinos do Mestre, às chamadas e à prática da doutrina. Em suas palavras nas Sessões e em seu dia a dia, demonstrava confiança e fé no Mestre Gabriel, conduzindo sua vida de forma harmoniosa e alegre. Ao longo de toda sua caminhada, deixou um legado de bons exemplos, conselhos, valores espirituais e amor pela União do Vegetal.

Aníbal nasceu em Fortaleza, em 9 de junho de 1964, filho de Maria Sônia Queiroz Braga e José Maria Braga. Aos 7 anos, foi morar com a avó, D. Olga Campelo. Graduou-se em Direito e Engenharia e por algum tempo trabalhou em uma empresa de engenharia no Rio Grande do Sul. Em julho de 1991, num período de férias, foi a Fortaleza e conheceu a C. Francilene, que, à época, pertencia ao Corpo Instrutivo do Núcleo Tucunacá. Já no segundo encontro, ela lhe falou que participava de uma religião espírita, que bebia um Chá, e não ingeria bebida alcoólica, não fumava e não dançava. Ele prontamente afirmou que daquele dia em diante não mais bebia, não fumava e não dançava e que ela poderia colocar seu nome na religião dela, que iria se associar e seguir junto com ela.

Na mesma semana, Aníbal desvinculou-se da empresa em que trabalhava e passou a residir e trabalhar em Fortaleza. Começou a participar das atividades da UDV, como mutirões, promoções, reuniões e trabalhos do plantio, enquanto aguardava a Sessão de adventícios, sempre com a mesma dedicação e ligação espiritual que demonstrou desde o início de sua caminhada na União do Vegetal.

Em sua primeira Sessão, no dia 9 de novembro de 1991, ficou maravilhado, disse ter sido uma experiência muito emocionante, como se estivesse em um fliperama. Viu muitas luzes piscando e teve uma experiência encantadora. Em 2 de dezembro do mesmo ano associou-se na UDV e em 15 de agosto do ano seguinte, ainda no Núcleo Tucunacá, foi convocado para o Corpo Instrutivo.

No dia 7 de dezembro de 1991 casou-se, e desta união vieram as filhas Ana (1992) e Luiza (1995). No âmbito familiar, era um marido e pai exemplar, afetuoso, atencioso e bem humorado. Foi também um profissional reconhecido por sua responsabilidade e conhecimento técnico e desempenhou com excelência sua atividade laboral, destacando-se por sua maneira cordial e amiga.

Caminhada

Em 1993, no primeiro desmembramento do Núcleo Tucunacá, Mestre Aníbal decidiu participar com sua família da construção do Núcleo Fortaleza, inaugurado em 21 de novembro daquele ano. Foi convocado ao Corpo do Conselho do Núcleo Fortaleza em 10 de fevereiro de 1996 e ao Quadro de Mestres em 1ª de maio de 1999, recebendo a camisa com a estrela de Mestre em 15 de maio de 1999. Também exerceu os cargos de Presidente, de 2000 a 2003, e de Vice-Presidente de 2004 a 2006.

Em 27 de março de 2008, com o objetivo de continuar colaborando para a expansão da União do Vegetal, transferiu-se para o Núcleo Cajueiro Pequenino e foi eleito Mestre Representante para o triênio 2009 a 2012. Já no período de 2012 a 2015 exerceu o cargo de Presidente e foi eleito Mestre Representante em novo mandato, de 2015 a 2018. No âmbito material e espiritual, trabalhou pela construção de um ambiente de paz, contribuindo com a preparação de dirigentes para dar continuidade à obra do Mestre.

Mestre Aníbal tinha zelo, carinho e amizade especial com os Mestres da Origem, sempre procurando estar próximo, convivendo e aprendendo com eles os mistérios das palavras e ensinamentos trazidos pelo Mestre Gabriel. Também esteve sempre pronto para atendê-los quando visitavam a região e o Ceará, sempre renovando a gratidão pelo trabalho que eles realizaram para trazer a UDV até os dias atuais.

No dia 10 de fevereiro de 2018, Mestre Aníbal recebeu o cargo de Mestre Assistente Central da 11ª Região, dedicando-se de forma mais ampla no acompanhamento da irmandade. Em 2020, também foi eleito a membro do Colégio Eleitoral da Região.

Em 10 de Fevereiro de 2021, solicitou sua transferência e da C. Francilene para o Núcleo Flor Divina, onde desde então também estão sócias suas duas filhas.

No dia 7 de novembro de 2021, aos 57 anos, M. Aníbal fez sua passagem de forma tranquila, cercado de sua família e de muitos amigos, deixando muita saudade a seus familiares e amigos com quem partilhou sua maneira simples e bem humorada de ser.

*Francinete Giffoni é membro do Corpo do Conselho do Núcleo Linha de Tucunacá (Fortaleza-CE).

31 respostas
  1. Mestre Monteiro
    Mestre Monteiro says:

    Desde que conheci o jovem Aníbal, e associou-se à União do Vegetal, este relato feito por sua digníssima esposa e filhas, é um relato verdadeiro, porque todo o caminhar do Mestre Aníbal na condição de dirigente do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal comprovou sua responsabilidade e respeito pelo Mestre Gabriel e sua obra. Que o glorioso esforço do seu trabalho permaneça em glória na sua consciência. Este é o pensamento do Mestre Monteiro e família.

    Mestre Monteiro
    Conselheiro Oriental.

    Responder
  2. Verônica Galvao
    Verônica Galvao says:

    Meu amigo querido! Guardo no meu coração sua mensagem de força e, com muito carinho, os seus votos positivos de prosperidade na minha nova jornada no Mãe Gloriosa.
    Recebi com um misto de tristeza e alegria a noticia de sua partida, pois sentimos sua falta física entre nós. Mas, me sinto honrada de ter feito parte do ciclo de pessoas que muito aprenderam com vc. Trago na memória a derradeira viagem a Caruaru, no aniversário do M. Monteiro. Sei que seu coração era bom e que está na Luz, junto ao Mestre Jesus.
    À querida Francilene e às meninas, desejo conformação. Vocês tem muitos bons exemplos a seguir. Todos temos. Grata a Deus pelo privilégio de ter convivido com M. Aníbal!

    Responder
  3. Ednalvo Souza Barbosa
    Ednalvo Souza Barbosa says:

    Mestre Aníbal muito inspirou por sua história e dedicação à irmandade. Ao conhecer sua história me sinto mais forte. E feliz por conhecer este Mestre, a quem dedicou sua vida, e seus ensinamentos, para melhorarmos e nos elevarmos espiritualmente. O Mestre Gabriel, com toda certeza, está feliz e honrado por sua contribuição dentro da UDV. Com essa história me fortaleço e sigo no caminho certo da espiritualidade.

    Responder
  4. ônio Gonçalves de Lima Filho
    ônio Gonçalves de Lima Filho says:

    Excelente e fidedigna descrição da trajetória deste grande personagem, M. Aníbal, pessoa de grande valor que desenvolveu um trabalho significativo pela UDV em nossa região.
    Que possamos nos espelhar no exemplo e dedicação do nosso querido e saudoso amigo M Aníbal.
    Luz, Paz e Amor.

    Responder
  5. Cristine Castro
    Cristine Castro says:

    Mestre Aníbal, um querido e zeloso professor. Quando eu o olhava, enxergava nele um pai. Pessoa querida a mim e a minha família. Sou bem grata pelo carinho, pelos ensinos e pelo exemplo. Que o Mestre Gabriel continue lhe cobrindo de bênçãos, desejo este que estendo a sua valorosa família.

    Responder
  6. Antonio Junior -N. Aguas Claras Manaus/AM Junior - N Aguas Claras
    Antonio Junior -N. Aguas Claras Manaus/AM Junior - N Aguas Claras says:

    Um amigo de alta qualidade que bem merece reconhecimento. Junto a sua família, teve uma existência exemplar neste plano terreno. Belíssimo texto da Conselheira Francinete. Desejamos conforto a toda família.

    Responder
  7. Ana Stela Câmara
    Ana Stela Câmara says:

    Um amigo querido, ele e toda sua família cativaram muitas pessoas. Sua presença era sempre motivo de alegria, pelos bons ensinamentos que transmitia, por sua prática, pela disposição e pelo bom humor que lhe era característico. O cantador de parabéns mais entusiasmado de toda a redondeza, hehe.

    Responder
  8. Marcel
    Marcel says:

    Mestre Aníbal foi o primeiro Mestre que me deu o Chá. Guardo lembranças ótimas desse momento em que ele me atendeu com simplicidade e bom humor. Sua dedicação, inteligência e conduta exemplar estarão em nossa memória para sempre. Minha saudade a sua família!

    Responder
  9. Alysson Bastos Sena
    Alysson Bastos Sena says:

    Um belo relato de sua companheira. Um aprendizado para mim. Ver pessoas queridas a ele falando tão bem e tão verdadeiramente. Agradeço ao Mestre Gabriel por ter concedido a presença deste Mestre no plano terrestre. Desejo a Luz dourada confortando os corações dos amigos e parentes deste irmão vitorioso. Gratidão M. Aníbal por essa boa lição. Luz, Paz e Amor. Alysson Bastos N. Caupuri

    Responder
  10. Emanuel Giffoni
    Emanuel Giffoni says:

    M Aníbal, meu padrinho, sempre me deu bons conselhos e orientações.
    Percebi nele um bom Representante, conduzindo bem a irmandade do Núcleo Cajueiro Pequenino.
    Trazia os ensinamentos com clareza e didática, mostrando o caminho a seguir.
    Mostrava também um carinho pelas pessoas, com um jeito amigo e irmão.
    Hoje quero registrar aqui minha homenagem a esse senhor que tem um valor bem especial pra mim e pra minha família.
    Luz, Paz e Amor

    Responder
  11. Anna Karenina
    Anna Karenina says:

    Uma pessoa amável, carismática e querida.
    Trazia alegria pra onde chegava, cuidadoso com os ensinos do Nosso Mestre e amplamente engajado na Obra e no trabalho da UDV.
    Sentiremos saudades sempre. ♥️
    Um legado de Paz, Amor e de Luz, nos faz sempre rememorar momentos de descontração e fraternidade.
    Um beijo carinhoso as suas três flores, Francilene, Aninha e Luísa. ✨

    Responder
  12. Mônica Braga Marçal
    Mônica Braga Marçal says:

    “A amizade sincera é um santo remédio, é um abrigo seguro…”.É assim que eu sinto, no meu coração, a amizade do M Aníbal. Pessoa de valor que sabia transmitir os ensinos e sabia doutrinar com respeito e consideração.
    Saudade grande desse amigo querido!

    Responder
  13. José Neto
    José Neto says:

    Um homem de grande valor para UDV e para mim. Quando eu estava em uma situação difícil da minha vida, ele me deu a mão. Que o Grande Mestre Gabriel o tenha junto dele!!!

    Responder
  14. Ronaldo Lorenzo
    Ronaldo Lorenzo says:

    Mestre Aníbal, um estudioso dos ensinos do Mestre que procurava preservar a origem da União. Pessoa afetiva, tinha uma consideração por todos, do jeito que o irmão é,. Assim foi comigo e com minha família. Justa homenagem e a sua família querida, C. Francilene e suas duas filhas, jovens amorosas. O amigo vive em minha memória.

    Responder
  15. Antonio Filho
    Antonio Filho says:

    Presenciei, no M Aníbal, um amigo de fácil convivência, sorriso simples e paz interior. Buscava, nos ensinos do Mestre, seu modo de vida. Transmitia com exemplo e dedicação o que havia recebido de herança dos Mestres da Origem. Um exemplo a ser seguido por aqueles que conviveram e conheceram este amigo o qual tenho boas lembranças.

    Responder
  16. Erivaldo Magalhães
    Erivaldo Magalhães says:

    M Aníbal, um amigo de todos, sempre querendo o bem do próximo e trabalhando pela união de todos. Um amigo que me cativou, deixou seu bom exemplo de vida e dedicação pela UDV com fieldade aos ensinos do Mestre Gabriel.
    Luz, Paz e Amor.
    Erivaldo (Eri) N Flor Divina

    Responder
  17. Hugo Uchôa
    Hugo Uchôa says:

    Justa homenagem. M Aníbal, amigo que me deu força e atenção quando precisei. Me ligou algumas vezes quando eu estava internado, mostrando carinho e atenção. Sua palavra e fé me deram mais ânimo para atravessar as dificuldades que eu estava passando. Gratidão a ele e a sua família!

    Responder
  18. Peter Kenworthy
    Peter Kenworthy says:

    Uma notícia muito triste para mim. Na minha primeira visita ao Brasil, para participar de um preparo no N. Fortaleza, junto com a minha companheira, fomos hospedados pelo M. Aníbal e a C. Francinete. Essa visita foi memorável mesmo, inesquecível, por muitas razões. Todas boas. O que me lembro antes de mais nada é a gentileza, a graça, o carinho e o bom-humor do nosso hospedeiro. Um homem bem especial, sempre com um brilho nos olhos e um sorriso meigo. Abraços a sua família que também nos cativou.

    Responder
  19. Janainna Souto Maior de Albuquerque - Manaus/Am
    Janainna Souto Maior de Albuquerque - Manaus/Am says:

    Família querida, M.Aníbal cativava pelo seu jeito alegre, atencioso e educado, um homem de bem. A minha querida Francilene, Ana e Luiza, meu afetuoso abraço.

    Responder
  20. Marco Antonio
    Marco Antonio says:

    Querido e respeitoso amigo. Lendo esta belíssima e justa mensagem, uma homenagem e reconhecimento, senti, de coração forte, saudade dele. Marco Antônio e família

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta para Ana Stela Câmara Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *