O Renascimento de uma Casa de Caboclo

Ana Maria de Lima Souza*

Réplica da primeira sede da União do Vegetal | Foto: Walter Badaró/DMD 1ª Região

A Associação José Gabriel da Costa inaugurou, em 1º de abril passado, em Porto Velho-RO, a réplica da primeira Sede da União do Vegetal, a primeira etapa do plano de construção do Memorial José Gabriel da Costa. Nos anos da década de 1960, a Sede era um espaço geminado a sua residência e cedido à época por Mestre Gabriel para que ali se realizassem as sessões de Vegetal.

À tarde, se realizou uma reunião da Diretoria da Associação. Nessa oportunidade, houve a indicação de membros da família de Mestre Gabriel -filhos e sua companheira, Raimunda Ferreira da Costa (Mestre Pequenina) -, assim como dos Mestres do Conselho da Recordação dos Ensinos do Mestre, para comporem o quadro de sócios beneméritos da entidade. Em seguida, houve uma reunião do Conselho Deliberativo da Associação.

Sessão

Foto: Walter Badaró/DMD 1ª Região

A noite foi realizada uma sessão de Vegetal dirigida por Mestre Carmiro Gabriel (filho de Mestre Gabriel), contando com a presença de Mestre Pequenina (viuva do Mestre Gabriel), Getúlio e Conselheira Jandira Gabriel (filhos de Mestre Gabriel) e alguns dos netos. Fizeram-se presentes também o Mestre Assistente Geral, Edson Lodi; o presidente da Diretoria Geral, Wladimir Fogagnoli Ferraz; e mestre Edison Saraiva, integrante do Conselho de Administração Geral (CONAGE). Estiveram presentes ainda outros mestres e irmãos que vieram de diversos Núcleos do Centro Espírita União do Vegetal partilhar desse memorável momento.

As lembranças foram aguçadas pelo ambiente no estilo “casa de caboclo”, revestido de simplicidade e alegria, pelas músicas e pelas palavras daqueles que tiveram a oportunidade de comungar o Vegetal na Sede quando o Mestre Gabriel estava presente em matéria.

A Presidente da Associação, Conselheira Jandira, expressou em diversos momentos gratidão à todos os irmãos, cada um, dentro das suas possibilidades, pelo incentivo, pelo trabalho, pela dedicação à realização dessa obra que é para todos que queiram conhecer a memória do homem simples, honesto e dedicado a promover a paz entre os homens: Mestre Gabriel.

Clique aqui e acesse o site da Associação José Gabriel da Costa.

*Integrante do Corpo do Conselho do Núcleo Mestre Gabriel (Porto Velho-RO).

13 respostas
  1. Lucilene Paniago Trindade
    Lucilene Paniago Trindade says:

    Essa é a história do Marco de Progresso na humanidade trazida pela União do Vegetal.
    Divino Mestre vem nos fortalecendo, nos ensinando para construirmos um mundo de Paz!
    Gratidão pelo coração do Mestre que para mim representa a Beneficência da UDV.

    Responder
  2. Sandro Maciel marques
    Sandro Maciel marques says:

    Gostei desse momento que tive presente da inauguração da réplica da sede na casa do Mestre Gabriel onde ele, junto com sua família, recebia todos que ali chegavam para conhecer. Me senti feliz de fazer parte desse momento tão especial pra nós discípulos dessa obra que é a União do Vegetal

    Responder
  3. Miguel Salum
    Miguel Salum says:

    Que Alegria! Parabéns pelo belo trabalho que traduz o Respeito e Amor pelo nosso nosso Mestre.

    UDV Northeast USA
    Nucleo Jardim Florescendo – Florida.

    Responder
  4. Ediacoi Cordeiro
    Ediacoi Cordeiro says:

    É bom saber que as memórias estarão sempre presentes com aqueles que tiveram o merecimento de vivenciarem momentos únicos e marcantes da União do Vegetal. Salve!

    Responder
  5. Janainna de Albuquerque
    Janainna de Albuquerque says:

    Parabéns à Conselheira Jandira por está à frente deste precioso momento, fiquei muito feliz quando o Mestre Roberto Souto, que estava presente neste dia, me contou da alegria de relembrar momentos vividos na casa do Mestre, todos os detalhes foram pensados, uma belíssima obra. Parabéns!!!!

    Responder
  6. VÂNIA MARIA C.CASTRO
    VÂNIA MARIA C.CASTRO says:

    Que momento especial!Imagino o sentimento de Jandira, M. Pequenina e dos demais presentes! Espero poder viver uma experiência assim tão singela. Gratidão a todos aqueles que participaram inicialmente da construção desse Memorial.Memória é a nossa essência! Esse Memorial é uma obra para nós é para as próximas gerações! Viva a UDV !

    Responder
  7. Walter Badaró
    Walter Badaró says:

    Comungar o Vegetal na Sede quando o Mestre Gabriel estava presente em matéria é privilégio de poucos que hoje contam sua história, e honrado seja aquele que hoje reconhece o valor de estar presente neste momento sentindo a presença espiritual desse guia… Sou grato a vida por poder ver, viver e sentir esse momento.

    Responder
  8. Manuela C Bernis
    Manuela C Bernis says:

    Que emocionante ter esta notícia, deste momento em que graças aos esforços de alguns, chegamos. Mesmo que ainda um tanto por vir, mas já uma vitória para toda a UDV! Gratidão aos que podem dedicar-se!

    Responder
  9. Marcos Fabrício
    Marcos Fabrício says:

    Interessante e bem construtivo esse momento para os sócios da UDV presenciar este acontecimento e imaginar na época, a realização de uma sessão de vegetal com simplicidade, naturalidade e firmeza. (Luz, paz e amor)

    Responder
  10. Carlos Amaral
    Carlos Amaral says:

    “Paz na terra aos homens de boa vontade”. Meu reconhecimento a quem vem trabalhando com amor e dedicação pra que esse sonho se torne realidade.
    Muito bom na sessão de vegetal realizada no do dia 1º de abril poder ouvir as canções que tocavam na época do Mestre nas versões originais em vinil.

    Responder
  11. Eduardo Domingos
    Eduardo Domingos says:

    Quero parabenizar pelo excelente trabalho e agradecer por ter esta réplica para valorizamos cada vez mais a importância desta humildade e simplicidade com que este MESTRE GABRIEL nos mostra o verdadeiro simbolo de LUZ PAZ E AMOR. Grato por estar corrigindo cada vez mais meu coração. Abraço à todos que trabalham por esta grande obra.

    Responder
  12. Firmo José Rodrigues
    Firmo José Rodrigues says:

    Feliz em estar presente neste dia e participado da sessão histórica, que muito me honrou. Grato em pertencer a essa religião que muito me alegra, e que me mostra, a cada momento, o verdadeiro caminho, que é o caminho a seguir, o caminho da retidão.
    Obrigado a todos.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *