Núcleo Princesa Sama festeja 30 anos

Samy Castro*

Terceiro Núcleo do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal a ser criado em Manaus (AM), o Núcleo Princesa Sama chega em 1º de fevereiro de 2017 aos 30 anos de existência.

Originário de um desmembramento do Núcleo Caupurí, quando tinha como Representante o Mestre José Carvalho, o Núcleo Princesa Sama tem sua história iniciada mesmo em fins de 1986. Naquela época, um grupo de irmãos, tendo à frente o então Mestre Asplinger Alves Feitosa, adquiriu um terreno, na localidade hoje denominada Parque Riachuelo, e deu início a construção das instalações do novo ponto de luz da capital amazonense. Tudo com a aprovação e o apoio do então Mestre Central da 2ª Região, Francisco Roberto Evangelista, e do então Mestre Geral Representante, Raimundo Monteiro de Souza (Mestre Monteiro).

Do começo da obra à inauguração, foram exatos 40 dias de trabalho. Nesse intervalo de tempo aconteceu um dos maiores invernos em Manaus. Devido à escassez de recursos, a madeira tirada na floresta durante o dia, pelo serrador contratado, era carregada à noite pelos irmãos, muitas vezes, embaixo de chuva torrencial. Tudo era feito com entusiasmo e alegria.

Clique aqui e acesse a Galeria de Imagens do Núcleo Princesa Sama. 

Lua Cheia

E assim, com determinação, união e trabalho da irmandade, foi concluída a construção. E num dia ensolarado, e de Lua Cheia, em 1º de fevereiro de 1987, foi inaugurado o então Pré-Núcleo Princesa Sama, que mais tarde ganharia o status de Núcleo Princesa Sama. Uma sessão dirigida pelo Mestre Monteiro, com a presença de aproximadamente 250 pessoas, marcou o momento histórico da abertura de mais um Núcleo do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal em Manaus. Asplinger tem guardado na memória a emoção vivenciada no momento da sessão, e descreve: “Ouvimos pessoas explanando, dizendo que aquele feito foi um verdadeiro milagre do Mestre Gabriel. Pessoas choravam de alegria de ver tanta beleza, fruto do nosso querer”.

O Mestre Francisco Celso Roque Lago, que ao longo de 26 anos foi sócio do Núcleo Princesa Sama, disse que guarda no coração recordações importantes vividas no Núcleo. “Recordações de preparos de Vegetal com a presença de mestres antigos, a exemplo do Mestre Florêncio, Mestre Pernambuco e da Mestre Pequenina, bem como lembranças dos primeiros irmãos e dos que chegaram ao longo do percurso”, enfatiza.

Mestre Celso reconhece a determinação dos que iniciaram a construção das instalações e o apoio do Mestre Roberto Evangelista para a realização da obra, a quem expressa sua gratidão. “Sempre esteve comigo em todos os momentos, especialmente quando estive na Representação do Núcleo”, expressa Lago. Ele também registra sua gratidão ao Mestre Florêncio, por tudo que lhe ensinou, principalmente no preparo de Vegetal, e à irmandade com a qual pode conviver durante 26 anos.

Amizade com o Núcleo Samaúma

Mestre Fábio Angelino Fortunato, do Núcleo Samaúma (Araçariguama-SP), atualmente Membro do Conselho de Administração Geral da UDV (CONAGE), lembra da parceria de união firmada entre a irmandade paulista e a do Núcleo Princesa Sama, no início dos anos 90. “Sempre fomos muito bem acolhidos quando estivemos em Manaus, como num preparo em que participamos de alta burracheira, e que ficou marcado para todos nós”, destaca Mestre Fábio. Segundo ele, foi um elo que se fortaleceu, à época, e que agora precisa se refortalecer. Segundo Mestre Fábio, o Núcleo Princesa Sama é muito querido para a irmandade de São Paulo. “Nos sentimos irmãos e faço votos que a nossa amizade continue”, revela, desejando prosperidade ao Núcleo Princesa Sama.

O Mestre Armínio Adolfo de Pontes e Souza busca na memória um momento histórico de relevante importância para o Núcleo Princesa Sama, que foi a inauguração do novo templo, quando do aniversário de 15 anos, em 2002, período em que ele presidente do Núcleo e o Mestre Geraldo Fragoso era o Mestre Representante. De acordo com Mestre Armínio, eram naquele momento 65 sócios, e em 2003, quando ele recebeu a Representação, aconteceu a integração do Centro Espiritual Beneficente Ordem do Templo Universal de Salomão (OTUS) à União do Vegetal, sendo contabilizado um acréscimo de mais 32 sócios.

Mestre Roberto Evangelista

“Outro acontecimento marcante, foi em 2002, quando recebemos no Núcleo Princesa Sama a transferência do Mestre Roberto Evangelista e sua família, vindos do Núcleo Caupurí, quando ele estava na condição de Mestre Assistente Geral da União do Vegetal” (atualmente, Mestre Roberto Evangelista ocupa novamente o cargo). Mestre Armínio lembra ainda que, em 2004 o Núcleo Princesa Sama assumiu a responsabilidade da Distribuição de Vegetal em Coari (AM), a qual conta hoje com 24 sócios e está sob a responsabilidade do Núcleo Jardim do Chacronal, em Tefé (AM).

E em 2007, conforme Mestre Armínio, teve o desmembramento que originou o Núcleo Menino Deus, tendo à frente dos trabalhos o Mestre Roberto Evangelista, juntamente com o Mestre João Bosco e o Mestre Júlio Alves e mais 54 irmãos.

O atual Mestre Representante do Núcleo Princesa Sama, Francisco Eliésio Vasconcelos Filho, afirma que o Núcleo está inteirando 30 anos de existência, e que, desde o início, e até os dias de hoje, acontece o desenvolvimento de um trabalho de amor e dedicação de todos os que já passaram por ele e deram sua contribuição. Mestre Eliésio conta que está dando continuidade e buscando a cada dia aperfeiçoar e aprimorar em todos os sentidos a missão de transmitir os ensinos do Mestre Gabriel à irmandade. Segundo ele, as melhorias nas instalações também recebem atenção especial, a exemplo da construção do berçário e da ampliação da casa de preparo. “Somos gratos a todos, que de alguma forma ou de outra, nos auxiliam na expansão do Núcleo Princesa Sama”.

*Coordenador Regional do Departamento de Memória e Comunicação (DMC) da UDV na 2ª Região. Na produção deste texto, teve as participações do auxiliar do DMC Regional, Edvanildo Lobo (Corpo Instrutivo do Núcleo Menino Deus); Silas Barbosa (Quadro de Mestres do Núcleo Caupuri e de Lurdemil Demóstenes Uchôa (Corpo do Conselho do Núcleo Princesa Sama).

Publicado em 01 de fevereiro de 2017, 09:55. 

6 respostas
  1. Leandro Iunes
    Leandro Iunes says:

    Olá caríssimos, linda homenagem ao Núcleo Princesa Sama! Parabéns!

    só uma observação; o sobrenome do Mestre Fábio Angelino é FORTUNATO (e não FortunaDo).

    Grato pela atenção, um abraço e Felicidades a Todos!

    RESPOSTA: Corrigido, grata Leandro.

    Responder
  2. Grace Cordeiro
    Grace Cordeiro says:

    Parabéns ao Núcleo Princesa Sama!
    Primeiro Núcleo em que assisti Sessão dirigida por um Mestre do Conselho da Recordação. No ano de 2015, M. Herculano foi o M. dirigente do Aniversário do núcleo. Sessões extras, escala, preparo e multirão com a irmandade e queridos amigos que venho cativando e cultivando. Luz, Paz e, Amor e progresso ao M. Eliésio e à toda irmandade.
    Grace Cordeiro – C.I
    Núcleo Caupurí

    Responder
  3. Gabriela
    Gabriela says:

    Gosto muito dessa oportunidade de conhecer a história tão bela de outros núcleos, grata à equipe do DMC e do blog UDV. Prosperidade ao Núcleo Princesa Sama!!

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *