Núcleo do Cruzeiro do Sul, 28 anos de história

Joseilson Correia dos Santos*

Fachada do Templo do Núcleo Cruzeiro do Sul, Cruzeiro do Sul-Acre | Foto: Bento Viana.

A história do Núcleo Cruzeiro do Sul faz parte da expansão do Centro Espírita Beneficente União do Vegetal no Estado do Acre. Afinal, quando os trabalhos da União do Vegetal começaram naquele município, localizado a 632 km da capital do Estado, só havia Núcleos em Rio Branco e em Plácido de Castro.

Os pioneiros do Núcleo Cruzeiro do Sul foram os discípulos Luiz Gonzaga Alves Filho, Rosa Messias, Paulo Roberto Muniz, Manoel Vitorino (Tito) e Darcy Teixeira, que já moravam na cidade e conheceram o Vegetal em Rio Branco, no Núcleo João Lango Moura. Após um período associado naquele Núcleo, este grupo de pessoas voltou a residir em Cruzeiro do Sul, dando início à criação de um local para abrigar mais pessoas que quisessem conhecer a UDV e sua doutrina.

As primeiras sessões em Cruzeiro do Sul foram realizadas na residência do casal Tito e Darcy. Depois, em áreas maiores, como na Fazenda Remanso, de propriedade de César Queiroz; no sítio do Raimundo Carlos; no galpão do Sr. Ademir Messias; no Igarapé Preto e no sítio do Gaim.

A primeira visita de Mestres da Origem a Cruzeiro do Sul foi do Mestre Monteiro, da Mestre Pequenina e do Mestre Paixão, que estiveram na cidade no dia 27 de julho de 1987, a convite do mestre Gonzaga. Também estiveram presentes, naquela oportunidade, mestre Maciel e Edvaldo Carneiro.

Foi uma ocasião histórica, quando o Mestre Monteiro autorizou, verbalmente, a criação da Distribuição de Vegetal em Cruzeiro do Sul, designando o mestre Gonzaga para ser o Responsável. O início oficial da Distribuição Autorizada de Vegetal pela Sede Geral aconteceu no dia 1º de novembro do mesmo ano.

Diretoria

O primeiro trabalho da Diretoria Provisória, já instalada, foi conseguir um terreno para a construção do templo. Para isso, foram adquiridos dois terrenos. O primeiro, doado por Raimundo Carlos, foi vendido para auxiliar na compra de tijolos e cimento, visando a edificação do templo. A madeira quadrada foi doada pelo irmão Murad. Já a madeira roliça e as palhas para cobertura foram adquiridas graças a uma cota que os discípulos fizeram e pagaram ao Sr. Francisco Gomes Muniz, que retirou o material na floresta. O segundo terreno, doado por Sylvio e Iolanda Geraldo, foi utilizado para a construção do templo, inaugurado no dia 1º de abril de 1989.

Posteriormente, o mestre Paulo Roberto veio morar em Cruzeiro do Sul e assumiu a Presidência, com uma grande colaboração para a construção do Núcleo.

Progresso

Já com uma irmandade formada e mais pessoas participando dos trabalhos, a Distribuição Autorizada foi transformada em Pré-Núcleo Cruzeiro do Sul, no dia 18 de março de 1989, com o mestre Luiz Gonzaga sendo designado Mestre Representante. Menos de três anos depois, em 9 de novembro de 1992, houve a elevação para Núcleo, com a designação do mestre Luiz Gonzaga para continuar como Mestre Representante.

Com a sequência dos trabalhos, vieram o mestre Raimundo Nonato Maciel e mestre Maciel, iniciando-se um trabalho de formação de dirigentes, no qual se destacam: o mestre Monte Carlos (primeiro integrante do Quadro de Mestres formado na cidade de Cruzeiro do Sul, atualmente Mestre Central da 17ª Região), o mestre Gastão Menezes, o mestre Mesquita e o mestre Sylvio Geraldo, atual Mestre Representante do Núcleo Cruzeiro do Sul, todos com sua parcela de colaboração na Representação deste Núcleo.

Irmandade do Núcleo Cruzeiro do Sul | Foto: DMC/Núcleo Cruzeiro do Sul.

Novos Núcleos

Ao longo desses 28 anos de existência, graças à dedicação dos irmãos à frente dos trabalhos, regando este jardim, começaram a florir e a nascer os frutos, dando origem a novos Núcleos: Núcleo Mestre Francisco (em Cruzeiro do Sul), que tem como atual Mestre Representante o mestre Francisco Gomes; o Núcleo Marechal (no município de Marechal Taumaturgo), com atual Mestre Representante o mestre Carlos Bezerra; o Núcleo Jardim da Realeza (em Cruzeiro do Sul), tendo como Mestre Representante o mestre Delson Campos; e a Distribuição Autorizada de Vegetal Novo Horizonte (em Cruzeiro do Sul), sendo o Responsável o mestre Gastão Menezes.

Atualmente, o Núcleo Cruzeiro do Sul tem um grupo de crianças e jovens, denominado “Semente da Paz”, composto por 22 crianças e 15 jovens, tendo como Responsável o Conselheiro João Dias, que busca desenvolver o lado espiritual, moral e intelectual, além do contato dos jovens com o mariri e a chacrona na floresta, haja vista que o Núcleo dispõe de uma área de terra denominada Sítio Arco-Íris, na qual o contato com a natureza é constante.

O Núcleo Cruzeiro do Sul recebe regularmente muitas visitas, de irmãos de várias partes do Brasil e do exterior. Dentre esses visitantes, recentemente, o Núcleo recebeu o Mestre Braga, o Mestre Monteiro e o Mestre Clovis Cavalieri, atual Mestre Geral Representante.

Hoje, a estrutura do Núcleo – que tem como Presidente o mestre James Cameli – é composta por um templo (com capacidade para 200 pessoas), banheiros masculino e feminino, dois berçários, cozinha, cantina e uma Casa de Preparo – equipada com uma caldeira para preparar o Vegetal. A irmandade tem oito pessoas integrantes do Quadro de Mestres, 16 membros do Corpo do Conselho, 34 do Corpo Instrutivo e 32 do Quadro de Sócios.


*integrante do Corpo Instrutivo do Núcleo Cruzeiro do Sul (Cruzeiro do Sul, Acre).

Publicado em 18 de março de 2017.

5 respostas
  1. Rodrigo Polignano
    Rodrigo Polignano says:

    Felicidades a essa irmandade tão querida!
    Saúde e prosperidade à todos.
    Gratidão por tantos momentos especiais que já podemos compartilhar e desfrutar pela boa vontade e doação de vocês.
    Um abraço fraterno.

    Responder
  2. Marcus Vinícius von Zuben
    Marcus Vinícius von Zuben says:

    Juro
    Ao lado da serra do divisor sob o imenso céu azul,
    cuja pujança da fauna e flora,
    das nascentes, cachoeiras
    e do Amazônico e manso rio moa,
    Ergue, às margens do rio Juruá,
    a majestosa e bela Cruzeiro do Sul.

    Lugar especial de um povo gentil,
    Rico em bondade. Canta o sabiá
    Abençoa Deus este Brasil. Diz o jatobá:
    Grandiosa é a biodiversidade eu juro.

    E Guarda um segredo,
    Quem poderá saber?
    Que Mistério está esperando por você?

    Zuben, 18 março de 2017.

    Responder
  3. Erivaldo Magalhães
    Erivaldo Magalhães says:

    Eu iniciei minha caminhada neste Núcleo em 6/1989 e me associei neste mesmo mês , sou o adventício 100º pelo livro de registro.. momentos maravilhosos neste início e me gratifica um tanto, fazer parte da história deste ponto de luz. Abraço fraterno a todos..

    Responder
  4. Vanilda g.s.souza
    Vanilda g.s.souza says:

    Muito bom conhecer a história desse Núcleo. E bem feliz de saber que o nome do grupo de jovens daí é Semente da Paz. Aqui no Núcleo Rei Canaã tem um sócio que fez uma letra de música em homenagem aos nossos jovens com esse nome “Semente da Paz”.

    Responder
  5. Nathiel Ferreira
    Nathiel Ferreira says:

    Olá, gostaria de me associar no Núcleo de Cruzeiro do Sul, mas sou de outra cidade. Tem site, ou algum irmão pode me auxiliar com os telefones para que eu possa falar com alguém e obter mais informações. Grato.

    RESPOSTA: Nathiel, por gentileza, envie um e-mail para o endereço contato@udv.org.br.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *